White Collar – S04E01 & 02 “Wanted/Most Wanted”

Desde o final da temporada passada que estava bastante ansiosa com a estreia de White Collar…  a fuga de Neal e Mozzie tinha precisamente esse objectivo! Contudo, o que me deixava realmente ansiosa era ver como seria orquestrado o regresso de Neal a Nova Iorque… daí o segundo episódio da temporada ser mais bem conseguido, na minha opinião, que o primeiro. O segredo de White Collar assenta na leveza do seu argumento e na simplicidade aparente no modo como os casos semanais e o relacionamento entre os principais personagens se vai articulando. Era essa a qualidade de White Collar que ansiava ver preservada… e o objectivo foi sendo cumprindo, ainda que escape um pouco à lógica!

Ep. 1 – “Wanted” («Procurado»)

Claro que Neal é o personagem caçado. Paradoxalmente, o FBI e Peter seguem caminhos separados nesta caça a Neal. Os ‘feds’ recrutam a ajuda de um agente externo à agência e especializado em capturar fugitivos internacionais – Kyle Collins – para ajudar a capturar Neal, após seis semanas do seu desaparecimento. Por sua vez, Peter decide procurar a ajuda de Ellen para tentar entrar em contacto com Neal e descobrir o seu paradeiro… esta missão torna-se tanto mais urgente, quanto Peter toma consciência de que o agente Collins é conhecido por capturar os seus fugitivos mortos.

Peter acaba por descobrir o paradeiro de Ellen e esta dá-lhe um número de um pagger que ela e Neal mantêm. No jogo meio mirabolante de adivinhação após um telefonema com Neal, Peter descobre o seu paradeiro. Contudo, logo de seguida Collins revista a casa de Peter e descobre que Neal se encontra em Cabo Verde (onde, pasme-se, na ideia americana se fala português e as relações sociais não muito diferentes de qualquer ilha espanhola nas caraíbas), país sem acordo de extradição com os EUA. Na ilha ele faz alguns amigos, desafia alguns bullies e claro que, encontra uma bela mulher que dirige um café local!

Quando Collins alcança Peter em Cabo Verde, anuncia num café local que está disposto a dar meio milhão de dólares pela captura de Neal, fazendo questão de omitir o modo como este deve ser capturado (vivo ou morto não lhe interessa). Entretanto, Peter consegue encontrar Neal e Mozzie e o trio trabalha em separado num plano de fuga. Peter e Mozzie procuram um meio de saída da ilha e Neal procura o apoio de um dos homens mais ricos e poderosos da ilha… Dobbs, a quem ele pagou muito dinheiro para que este lhe oferecesse protecção na ilha. Contudo, Dobbs informa Neal de que está a par da sua verdadeira identidade e «vende a sua cabeça» a Collins.

Ep. 2 – “Most Wanted” («O mais procurado»)

Se no primeiro episódio, o personagem procurado era, sem dúvida, Neal… no segundo capitulo em Cabo Verde, o «mais procurado« é o bilhete de Neal de regresso a Nova Iorque!

Neal é feito prisioneiro de Collins na propriedade de Dobbs, contudo quando este descobre que Neal se conseguiu desamarrar… acaba por disparar na perna de Neal, como forma de reduzir a sua mobilidade. Por sua vez, Peter e Mozzie descobrem que Neal foi apanhado por Collins e tratam de arranjar um plano para libertar Neal com a ajuda dos seus amigos na ilha.

Quando o trio se prepara, uma vez mais, para tentar sair da ilha de barco, Peter descobre que todos os barcos de Dobbs têm nomes de mulher, que fazem parte de uma mnemónica que ele em tempos aprendeu no FBI, e que descreve todas as mulheres da vida de um dos fugitivos mais procurados da agência. Imediatamente, liga para a agência e pergunta ao seu chefe que se for Neal a entregar esse bandido (ainda mais procurado que ele), se é possível que a velha parceria de Peter e Neal seja restabelecida?! Se o plano é mirabolante, mais inacreditável é a agência aceitar este acordo… mas como disse no início, o interessante era ver qual o modo que os roteiristas iriam encontrar para trazer Neal de volta.

Rebuscado foi também o plano que o trio encontrou para capturar Dobbs e envolver Collins no plano.

Quando todos regressam a Nova Iorque (excepto Mozzie), Peter e Neal são readmitidos na agência!

Por fim, esta longa introdução à nova temporada conhece o seu momento-chave, quando Neal reencontra Ellen e esta diz-lhe que vai ser relocalizada dali a algumas semanas. No entretanto, Neal pede-lhe que ela lhe conte a verdade sobre o seu pai, qual a sua história… este, sim, parece que vai ser o mote de toda a temporada…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s