The Firm – S01E16 “Chapter Sixteen”

Após a ausência de alguns dias retomo, agora, a escrita aqui no blog. Não sei se uma review sobre The Firm será a melhor maneira de o fazer. De há alguns episódios para cá que assisto a The Firm mais por obrigação, que por entusiasmo. Este foi um episódio em que se ataram algumas pontas soltas e no qual começamos a conhecer o fio condutor do final da série! A crise de confiança entre Abby e Mitch será, provavelmente, ainda mais abalada quando a vingança de Morolto Jr. começar… ou será que já começou?! Não sei mesmo… mas ainda guardo a esperança que toda a intriga não seja tão ordinária quanto os últimos episódios nos fizeram crer.

   Enquanto ultrapassa o choque e procura compreender a dimensão da informação que Abby lhe ocultou, Mitch mostra-se determinado em descobrir todos os detalhes do plano de Kevin Stack. Paralelamente, Stack trata de reforçar as suas ameaças sobre Alex, como garantia que ela se irá se empenhar em libertá-lo da cadeia. A descredibilização de Abby passa a ser a sua principal estratégia. É, contudo, no decorrer do interrogatório a Abby, que Mitch descobre que ela foi torturada e que assassinou o capanga de Stack. Por sua vez, Abby reforça a Mitch a sua mágoa e aguenta-se apenas com o recurso a comprimido.

Como o caso da morte de Andrew assenta apenas no depoimento de Abby, Alex acredita que conseguirá libertar Stack. Este, por sua vez, também se sente muito confiante e pede para depor na audiência… e é no seu depoimento que acaba por abrir a porta, ao falar da sua missão e ao se afirmar como «um verdadeiro médico/cuidador», para a inclusão do disco externo e o seu conteúdo no processo. Assim sendo, Stack decide fugir da cadeia disfarçando-se de guarda. Contudo, já no exterior da cadeia, Mitch estranha o comportamento do guarda e chama por Stack, confirmando que ele fugiu. Apesar de ainda alertar Ray, é levado pelos homens de Stack para o hangar do aeroporto!

Enquanto Ray e Tammy tratam de obter informação para que possam usar para trocar informação com o guarda que Stack subornou. Já Mitch aproveita, incrivelmente, a sua situação de refém para conferir com Kevin Stack os detalhes e o porquê da sua missão. Porque é que o mau da fita termina sempre a prestar contas ao herói, quer quando está prestes a matá-lo, ou quando está na eminência de ser apanhado?!
Essa é um cena clássica de qualquer filme ou série… nunca compreendi a lógica. Quem é mau, mas mesmo mau está-se nas tintas se os  compreendem ou não os seus motivos mais ou menos egoístas!

No caso de Stack, na eminência de ser preso decide suicidar-se na frente de McDeere. Já a razão para a morte de mais de cem doentes terminais está relacionada com a necessidade de reverter os fundos dos cuidados de saúde para quem realmente precisa, segundo a sua opinião. As seguradores acabam por não ter dinheiro para cobrir bons cuidados pré-natais e afundam muitos milhões em cuidados paliativos. WTF!!!

Stack é um assassino que elaborou uma causa para satisfazer a sua necessidade de poder. O seu grande mérito, no fundo, passou por ser o de líder. Ele pegou num grupo de médicos arruinados pela guerra e transformou-os em soldados leais até à morte da sua causa! Como disse no início, posto o caso Noble Insurance resta ver o que The Firm tem guardado para a parte final da temporada…

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s