Downton Abbey – review da terceira temporada (parte 1 de 3)

Downton Abbey elenco season 3Por vezes escrever sobre um único episódio é difícil, fazê-lo sobre uma temporada inteira parece-me um pouco complicado. É uma arte que transcende os pontos altos e mornos de um capítulo… é uma narrativa que exige continuidade. Mas todos dos finais de temporada soam a isso exactamente… daí que a espera pela nova temporada se torne, por vezes, exasperante! ;)

Até hoje apenas fiz um breve resumo de uma temporada – a terceira de Fringe – e após este longo período de ausência aqui do blogue penso que esse é um registo que se ajusta bem… penso que fará mais sentido que simplesmente ir publicando notícias à espera que elas voltem a estrear lá mais para o final do verão.  Começarei pela que está mais recente na minha memória, uma vez que terminei de assistir os últimos capítulos da série na semana passada. Na realidade, existem poucas séries que me possam dar mais prazer a escrever sobre… que a bela Downton Abbey.

Esta terceira temporada desenrola-se entre Março e Setembro de 1920 e posteriormente, o especial de natal, em Setembro de 1921. Apesar de ser relativamente curto o período temporal que a série atravessa, as transformações que a série conhece são profundas. De que outro modo poderíamos descrever os acontecimentos? Duas mortes na família, dois casamentos e dois nascimentos…

Episódio 1 (Março de 1920) – os tempos de mudança permeiam Downton de forma impiedosa e são personificados por Martha downton-abbey-season-3-episode-1Levinson (mãe de Cora) que está de visita a Downton. Por sua vez, o Lord Grantham descobre que o seu avultado investimento numa companhia de caminho de ferro no Canadá se revelou ruinoso e que perdeu todo o dinheiro da família, que por sua vez permite assegurar a subsistência de toda a propriedade. Paralelamente, Matthew descobre que é herdeiro por uma segunda vez – o pai de Lavinia morreu e deixou-lhe toda a sua fortuna que poderá salvar Downton. Contudo, Matthew recusa-se a usar esse dinheiro, uma vez que ele pensa que o pai de Lavinia desconhecia a ligação dele com Mary quando a filha morreu. Toda esta situação gera dúvidas e incertezas face ao casamento de Matthew com Mary… contudo, na parte final do episódio assistimos ao sumptuoso casamento de ambos, sendo a novidade o facto de Tom [marido de Sybil] ser escolhido por Matthew como seu padrinho de casamento. Na parte de baixo da casa, o sobrinho de O’Brien – Alfred – começa a trabalhar na casa e tem que enfrentar as grandes exigências de Carson e o ciíme de Thomas.

Episódio 2 (Abril de 1920)tenho que confessar que acho o debate acerca do feminismo muito engraçado… claro que um dos valores que tenho mais presentes enquanto mulher é o do direito à emancipação e igualdade entre os géneros. Contudo, para mim o feminismo transcende um pouco isso…. é algo que se vê na prática, ou seja, saber-se fazer ovos com os ingredientes que temos à Downton Abbeydisposição. Nisso as mulheres são peritas e não importa assim tanto qual a época social em que vivemos. As mulheres de Downton não são excepção e logo após retornar de lua-de-mel, Mary começa a desenvolver um plano para salvar a propriedade da família, para tal decide impressionar a sua avó americana por forma a persuadi-la a emprestar dinheiro à família. Contudo, a mãe de Cora acaba por revelar que por muito que quisesse ajudar, não poderia porque o seu marido trancou qualquer hipótese de voltar a colocar dinheiro em Downton. Quem também procura dar um rumo à sua vida é Edith, que contra a vontade do pai e da avó, convence Anthony Strallan a casar-se com ela apesar da diferença de idades. Paralelamente, a mãe de Matthew – Isobel Crawley – descobre que Ethel (antiga empregada da casa e que teve um filho que recusou entregar para ser criado pelos avós) tornou-se prostituta. Já na parte de baixo da casa, a governanta Mrs. Hughes enfrenta a possibilidade de ter um nódulo maligno no peito… para enfrentar a situação conta com o apoio da senhora Patmore.

Episódio 3 (Maio de 1920) -  os problemas monetários da família e o próprio casamento de Mary e Matthew [digo eu] saem finalmente do abismo. Matthew recebe uma última carta do pai de Lavina que lhe assegura que tinha conhecimento dos acontecimentos do dia da morte da filha. Por ser tão conveniente, Matthew desconfia que Mary possa ter escrito a carta, contudo mais tarde ela consegue provar a Matthew que Lavinia escreveu de facto uma carta ao pai no dia em que morreu…. a simples desconfiança de que Mary poderia fazer tal desonestidade fez-me afirmar que o casamento de ambos corria sério perigo dada a tensão do dinheiro. Na realidade, confesso, que este episódio fez-me deixar de simpatizar com a personagem de Matthew! O Lord Grantham recusa aceitar simplesmente o dinheiro e propõe a Matthew uma liderança bipartida da propriedade, trato que este aceita. O casamento apressado de Edith – apressado no tempo e na própria construção da história, algo que lhe tirou cargaDownton-Abbey-Series-3-Episode-3 dramática – chega finalmente e, surpreendentemente, ela é deixada no altar. O preconceito do da diferença de idades e do seu problema físico são demasiado avassaladores para permitirem a Strallan casar-se com a pobre Edith. Toda a cena é bastante dantesca uma vez que ela fica incontornavelmente triste com o desgosto, ao passo que a família age como se o melhor tivesse acontecido. Já, Mrs. Hughes recebe finalmente o resultados dos exames médicos que detectam que a massa no peito não é maligna. Todos ficam aliviados, especialmente Carson que parece particularmente interessado no bem-estar da sua governanta. Por fim, o roteiro mais denso até ao momento, centra-se na prisão de Bates que enfrenta dificuldades com os guardas e colega de cela, sendo que um chegam ao ponto de plantar drogas no seu colchão…. contudo, outro preso avisa-o e ele consegue lidar com a situação.

Episódio 4 (Junho de 1920) – confesso que este foi o episódio que menos gostei de toda a temporada. Não interessa quão longa seja a temporada, acabam por ser sempre necessários os episódios mais lentos de introdução de algo que irá conduzir a uma mudança de rumo na temporada. Este foi um episódio destes, sendo Branson o grande protagonista no episódio no que toca à família. Os seus ideias políticos há muito que criam conflitos no seio da família, mas desta feita ele parte das palavras às acções e envolve-se num ataque a uma casa de um aristocrata que viu os seus bens todos queimados. Branson vê-se perseguido pela polícia e ruma a casa dos Grantham deixando Sybil para trás. A atitude dele é percebida como sendo negligente dada a gravidez de Sybil. Apesar disso, o Lord Grantham ruma a Londres por forma a salvar Tom da prDownton abbey s03e04isão. A consequência e acredito que o único propósito do sucedido resume-se à impossibilidade de ambos jamais poderem retornar à Irlanda. Edith procura desesperadamente uma nova ocupação que lhe permita superar o episódio do casamento ponderando, por isso, escrever para uma coluna de jornal. Por sua vez, Ethel decide, com a ajuda de Mrs. Crawley e da Mrs. Hughes, entregar o seu filho à guarda dos seus avós para que este possa ter uma vida melhor. Na cozinha, uma nova ajudante chama a atenção de Alfred deixando Daisy com ciúmes. Por fim, Bates e Anna continuam sem notícias um do outro uma vez que o guarda prisional está a reter as cartas de ambos como retaliação pelo sucedido no episódio anterior. Quando ambos percebem que é esse o motivo pelo qual não se conseguem comunicar ficam aliviados, uma vez que ambos pensavam que tinham seguido em frente.

Links

Parte II:

Parte III:

About these ads

1 pensamento em “Downton Abbey – review da terceira temporada (parte 1 de 3)

  1. Pingback: Downton Abbey – review terceira temporada (parte 2 de 3) | Screenshots...

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s